Enquanto cresce o fenômeno da urbanização a nível mundial, o inchaço na malha urbana e os problemas advindos dela assustam pelo diâmetro e escopo. Entre os principais problemas está, sem dúvida, o da poluição, que, além de deixar a cidade mais feia, deturpa a qualidade de vida da população e trás sérios riscos à saúde. O designer americano Michael Jantzen criou uma máquina que espalha sementes de flores quando os níveis de poluição da região onde está instalada sobem. Além de monitorar a qualidade do ar, o sistema chamado de Eco Seed Sowing deixa o ambiente mais bonito.

sensores-flores-20130516175823.jpg

A máquina pode ser instalada em qualquer lugar, independente do alcance da rede de transmissão. A Eco Seed Sowing seria movida a energia solar e preenchida com sementes de flores. O equipamento também teria sensores tradicionais, que coletam os dados climáticos e as condições do ar e guardam as informações.  Mas também seria capaz de liberar sementes de flores sempre que a poluição aumentar. Então, quando os sensores detectassem altos níveis de poluição, a máquina liberaria pequenas quantidades dessas sementes. Se a poluição continuasse elevada, a máquina permaneceria lançando sementes. Com isso, cresceriam flores nas áreas mais poluídas. Jantzen acredita que as máquinas são uma resposta simbólica de arte pública para a degradação ambiental.

E você, se não tem como ter um desses mágicos purificadores próximo, porque não deixar o ambiente de alguém mais agradável e límpido e fazer sua parte? Dê flores de presente, não importa a data! Acesse nosso site clicando aqui e confira nosos catálogos com preços únicos, sem adição de quaisquer taxas, para ágil entrega em mais de 160 países e regiões!

Fonte: Revista Info

Compartilhe:Share on FacebookShare on Google+Share on LinkedInPin on PinterestTweet about this on TwitterEmail this to someone

Posts Relacionados