Formações bizarras e inesperadas – como nessa for de camomila – foram capturadas pela premiada dupla ‘Eye of Science’ (Olho da ciência), formada pelo fotógrafo Oliver Meckes e pela bióloga Nicole Ottawa.

Por uma década, eles trabalharam com um antigo microscópio eletrônico de varredura, mas nos últimos cinco anos, vêm usando um equipamento de última geração. Na foto acima, a estrutura delicada de uma flor chamada valeriana.

Todo material ganha é banhado a ouro antes de ir para o scanner. Essa imagem acima de uma pétala de rosa mostra uma estrutura conhecida como papila, responsável por dar brilho às pétalas.

Fonte: Eye of Science e BBC

Compartilhe:Share on FacebookShare on Google+Share on LinkedInPin on PinterestTweet about this on TwitterEmail this to someone

Posts Relacionados