As violetas são uma espécie altamente cultivada no Brasil,  estão sempre presente nas janelas brasileiras. Mas você conhece a origem destas pequenas e encantadoras flores? Se você ama esta flor e não conhece a história das violetas, descubra agora!

 

Tipo africana é a queridinha dos brasileiros

A mais difundida delas em terras tupiniquins é a violeta do tipo africana. Estima-se que história das violetas tenha iniciado em 1928, descobertas por Walter Von Saint Paul, que foi um pesquisador e barão alemão. No entanto, seu histórico não tem só uma versão. Tal data é contestada por algumas fontes: alguns afirmam que, na verdade, a espécie teria sido descoberta em 1892 nas montanhas do nordeste da Tanzânia, no continente africano.  

 

Origem européia

Seja como for, é fácil deduzir que as violetas são apreciadas há muito mais tempo que isso. Estima-se que sua origem tenha sido na Europa em data desconhecida.

 

Mitologia grega

Isso porque a história das violetas mostra que é uma figura retratada de forma muito frequente na mitologia grega. Ela representava o amor entre Zeus e Io, sua sacerdotisa e uma de suas paixões. Por isso, era muito utilizada em “poções de amor”, já que era considerada um símbolo de amor e fertilidade. Ela é considerada uma Ode à deusa Afrodite.

Além disso, em Atenas, a flor era utilizada para adoçar alimentos.  

 

Romanos

Os romanos, por sua vez, também apreciavam muito as flores da planta e a isso se deve ao seu apreço histórico. Eles utilizavam as pétalas para fazer vinho. Além disso, acreditavam que uma coroa de violetas curava dores na cabeça e tonturas, principalmente se fossem causadas por bebedeiras.

Heliogábalo, imperador romano da Dinastia Severa entre os anos 218 e 222, era um grande amante de violetas. De acordo com historiadores, ele tomava banho com infusão destas flores. Além disso, pétalas de violeta também eram utilizadas para preparar seu prato favorito e serviam, também, para decorar o palácio onde morava.

 

Homeopatia

É longo, também, o histórico da utilização da violenta nas homeopatias. Muito aplicada pela medicina alternativa para tratar problemas como bronquite e problemas respiratórios que causam tosse, estima-se que seu uso medicinal tenha iniciado por volta de 1829 por um médico alemão chamado M. Staptf para tratar sinusite.

 

Napoleão

A história das violetas revela que elas foram, ainda, o símbolo do partido de Napoleão Bonaparte. Foi escolhida após sua esposa Imperatriz Josefina revelar que esta era sua flor favorita.  

 

Compartilhe:Share on FacebookShare on Google+Share on LinkedInPin on PinterestTweet about this on TwitterEmail this to someone

Posts Relacionados