Muitos brasileiros têm o sonho de ir morar na Europa. Para muitos, esse sonho se torna realidade, mesmo que sua permanência em algum dos países europeus seja breve. Toda a experiência de vida na Europa é diferente da do Brasil e é extremamente enriquecedor conhecer profundamente a cultura de um outro país. No entanto, muitas pessoas podem enfrentar dificuldades com a comida, a língua e principalmente o clima, que é completamente diferente do nosso!

Para começar, basta considerar que estamos no hemisfério sul e a Europa, no hemisfério norte. Nossa localização desfruta de um clima mais quente, já que não estamos tão próximos do pólo. Quanto mais próximo um país é dos pólos da terra, mais frio será o seu inverno! Desse modo, é bastante comum que brasileiros cheguem à Europa pensando que moletons de algodão serão suficientes para um bom aquecimento. Ledo engano! É bastante comum vermos longos sobretudos e pesados casacos nos filmes, e isso tem um motivo muito maior do que a moda: esses casacos são adequados para manter a baixa temperatura longe do corpo. Por baixo deles, utiliza-se uma roupa feita com tecido que aquece.

Outro fator importante é saber que as estações do ano na Europa são contrárias às do Brasil, ou seja, enquanto aqui é verão, lá é inverno. Isso é de muita importância para o caso de você estar pensando em passar lá uma temporada para visitar alguém que gosta. Se a previsão for de um inverno muito rigoroso, pode ser que você não aproveite tudo o que a Europa tem a lhe oferecer. Caso queira conhecer, mesmo assim, o inverno, ainda há a possibilidade de optar por uma época menos rigorosa, como o fim ou o início da estação.

 

O que esperar de cada estação

 

Na primavera europeia, diversas espécies de flores nos presenteiam com lindas paisagens. Há a notável presença dos ventos, mas a temperatura e velocidade são agradáveis. Quando a primavera termina, começa o verão. Em alguns países, como Portugal, a temperatura pode atingir os 40 graus. Os dias são muito longos e o sol se põe próximo às 10 horas da noite.

Após o verão, chega o outono e é bem diferente do Brasil. Depois da temporada de calor do verão, o outono traz muita chuva e uma queda brusca da temperatura. Os dias passam a ser mais curtos, com o sol se pondo às 5 horas da tarde. O outono precede o inverno, que faz pessoas despreparadas padecerem. É frio, há ventos fortíssimos e é chuvoso. As chuvas são absurdamente geladas e é essencial utilizar roupas impermeáveis e guarda-chuvas reforçados. Combinados, o outono e o inverno duram 6 meses e isso significa 6 meses de frio intenso, especialmente para nós que estamos acostumados ao calor tropical brasileiro

Compartilhe:Share on FacebookShare on Google+Share on LinkedInPin on PinterestTweet about this on TwitterEmail this to someone

Posts Relacionados